Fotografia

Espaço linhas+- ATamanho da fonte+-

Um dos pioneiros da Fotografia no Brasil foi o pintor e naturalista francês radicado no Brasil, Antoine Hercules Romuald Frorence. Florence, que chegou ao Brasil em 1824, estabeleceu-se em Campinas, onde realizou uma série de invenções e experimentos. No ano de 1833, Florence fotografou através da câmera escura com uma chapa de vidro e usou papel sensibilizado para a impressão por contato. Ainda que totalmente isolado e sem conhecimento do que realizavam seus contemporâneos franceses, Joseph Necéphor Niepce e Louis Jacques Mande Daguerre, obteve o resultado fotográfico, que chamou pela primeira vez de Photografie. Pela descoberta de Florence, o Brasil é considerado um dos pioneiros na Fotografia. 

Entretanto, foi na década de 1940, que a fotografia ganhou força no Brasil, com o foto clubismo, movimento que reunia pessoas interessadas na prática da fotografia como uma forma de expressão artística. O catálogo de fotos organizado pela Casa de Cultura Nair Mendes Moreira - Museu Histórico de Contagem denominado, Fragmentos da Memória: Retratos de Contagem, abre com uma fotografia de 1911, dos vereadores da Vila de Contagem. As fotos seguintes são da década de 1920 ilustrando situações sociais e aspectos paisagísticos da cidade.


Nesse sentido, Contagem pode ser considerada uma cidade “amante” da fotografia. Em 2009, a Prefeitura Municipal de Contagem, instituiu o “Concurso Fotográfico Revelando Contagem”. O concurso tem o objetivo de proporcionar a troca de diversos olhares sobre a cidade, possibilitando o registro e o resgate de sua memória e sua história. Esse concurso acontece anualmente e em 2014 teve sua 6a edição, organizado pela Fundac e apoiado pelo Big Shopping. 

A Fundação Cultural de Contagem (Fundac) realizou, em 2014 e 2015, as primeiras edições do “Cli-ckando Contagem”. O projeto teve o objetivo de captar por meio da  otografia, momentos e lugares da cidade, enriquecendo o acervo fotográfico do município. A ideia surgiu em homenagem ao Dia do Fotógrafo, 8 de janeiro, quando a fundação convidou amadores e profissionais da fotografia a participarem do projeto. 

Os participantes percorrem, em ônibus, diversos pontos da cidade em busca de situações e imagens que expressem a linguagem pessoal de cada fotógrafo. Esse projeto tem revelado novos talentos e consolidado a atividade de fotógrafos já consagrados.


Desafios:
•    Dar continuidade ao “Clickando Contagem”.
•    Manter o curso de fotografia na Central de Curso da Fundac em parceria com a Seduc.
•    Continuar oferecendo curso de fotografia em parceria com a Funec/Pronatec.
•    Manter o Concurso Fotográfico “Revelando Contagem”.
•    Criar um estúdio multimídia para produção de videoclipes, vinhetas, microvídeos, etc.
•    Implementar curso/oficina de vídeo.
•    Promover a apresentação de microvídeos nas aberturas de eventos culturais.
•    Criar o site da Fundac, para divulgação das ações culturais.

Cursos

Espaços Culturais